domingo, 11 de julho de 2010

Quem Pode Esconder de Ti a Alma ?


“Toda a tua vida é um segredo
Guardado no silêncio dos teus passos
Discreto, misterioso e subtil
Nos gestos, nas palavras, no olhar...

Quem pode assim, esconder de ti a alma?
Quem pode recusar-te a confissão?
Se da tua boca bebem a imensa calma
Que embala e adormece o coração?

Vagueias pelos céus... Mesmo sem ter asas p’ra voar
Num bailado de sombras quase ausente,
Teus olhos franqueando as portas da imaginação,
Se abrem sobre a vida de tanta gente...

Quem pode assim, esconder de ti a alma?




Luciano Braz
Compartilhando, para não perder o costume.








"Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja
cada vez mais rara: a elegância do comportamento. É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.
É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de
dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto. É uma elegância desobrigada.
É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam. Nas
pessoas que escutam mais do que falam. E quando falam, passam longe da
fofoca, das pequenas maldades ampliadas no boca a boca.
É possível detectá-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas, por exemplo. Nas pessoas que evitam assuntos
constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros. É possível detectá-la em pessoas pontuais.
Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem
presenteia fora das datas festivas, é quem cumpre o que promete e, ao
receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem
está falando e só depois manda dizer se está ou não está.
Oferecer flores é sempre elegante. É elegante não ficar espaçoso demais. É
elegante você fazer algo por alguém, e este alguém jamais saber o que você
teve que se arrebentar para o fazer... porém, é elegante reconhecer o
esforço, a amizade e as qualidades dos outros.
É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro. É muito
elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais. É elegante
retribuir carinho e solidariedade. É elegante o silêncio, diante de uma
rejeição...
Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto. Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante. É elegante a gentileza. Atitudes gentis falam mais que mil imagens... Abrir a porta para alguém é muito elegante... Dar o lugar para alguém sentar... é muito elegante... Sorrir sempre é muito
elegante e faz um bem danado para a alma... Oferecer ajuda... é muito
elegante... Olhar nos olhos ao conversar é essencialmente elegante...
Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural pela observação, mas tentar
imitá-la é improdutivo. A saída é desenvolver em si mesmo a arte de
conviver, que independe de status social: Se os amigos não merecem uma
certa cordialidade, os desafetos é que não irão desfrutá-la."

Toulouse Lautrec

26 comentários:

Anônimo disse...

Palavras carregadas de sentimentos.

Bjos

Ângela Coelho disse...

Adorei tua poesia e O texto de Toulouse Lautrec define claramente o que é uma pessoa elegante; não adianta se vestir bem e não saber portar-se.
Beijos.

Ângela Coelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ValeriaC disse...

Querido Luciano...bom te reencontrar amigo!
Lindo seu poema, gostei demais da sensibilidade traduzida em palavras...e muito me encantei com o texto sobre a elegância... fantástico...
Obrigada por sua gentileza em compartilha-los conosco.
Que a semana que se inicia seja maravilhosa...plena de serenidade e alegrias pra ti...
Beijinhos
Valéria

angela disse...

Pensava em você esses dias e afinal apareceu. Lindo poema, suave, amoroso e sensível. O texto também é bom e vale lembra-lo sempre.
beijos

Abraão Vitoriano disse...

Oi, Luciano

Estou cá pra te convidar para a blogagem coletiva: “Tempos de criança”, em virtude do aniversário de dois anos do meu blog. A intenção é narrar livremente imagens, memórias e impressões da infância, e no quanto isso foi importante para sua vida. Pode ser em poema ou prosa, como preferir...
Quero comemorar em grande estilo com a participação de todos no dia 16 de Julho (sexta-feira) a partir das 9h00 da manhã. Muito obrigado, e espero sua confirmação até quinta para expor na minha página os endereços dos respectivos blogs integrantes.

Abraços e beijos,
Do menino-homem

Livinha disse...

A Alma se revela quando deixca a porta aberta para que lhe seja sentido o coração.
Mas somente a enxerga, quem tira dos olhos as vendas do egoismo...

Lindo poema Luciano, adorei!

Meu amigo, saudades daqui...

É na fotografia que não se revela
que está contida magias e encantos
que se mostram apenas nos sentidos...

Tem um selinho pra você em meu
recanto.
Obrigado pela sua presença amiga...

Bjs

Livinha

Tianne disse...

aqui tem alma bonita...

Ricardo Calmon disse...

Pura emoção escriba caríssimo,tu és escriba !
Campos meus de girassois,todos quase murchos estão,ausentes de sol teu poético,volta camarada meu,a vida é curta e coisa e tal,viva la vida!

abração

teu fraterno e neófito
ricardo

Poeta Mauro Rocha disse...

Ola sumido!!rsrsr, brincadeira, sei como é a vida, ultimamente corrida.Mas belo texto!

Um abraço!

Mari Amorim disse...

O Amor nunca deverá ser responsabilizado por dores,perdas ou danos e tem amplos poderes para neutralizar todas as batalhas, sejam elas emocionais, familiares ou sociais...FELIZ DIA DO AMIGO,
BOAS ENERGIAS!
Beijos,
Mari Amorim
Brincando Com a Rima

JB disse...

"Vagueias pelos céus... Mesmo sem ter asas p´ra voar"
Gostei, bonito poema!
Questão... sem resposta!
Voltarei...

Livinha disse...

Lú, meu amigo mais que querido, que bom rever você.
Perdoe por está vindo somente agora,
mas eu me encontrava num buraco fundo onde escondia a minha alma.
Eu não sei porque essa mania que toda alma tem quando não está muito bem. Num buraco ela se afunda a esconder suas amarguras.
Talvez procurando uma forma de voar, voar, quando se ver perdida nas presilhas da carne e não pode se soltar.
Acho que te respondi a pergunta.
Ninguém pode esconder a própria alma, porém esconde-se de quem se esconde, porque ela se ausenta com uma facilidade impressionante.

Fico tão feliz quando me visitas, porque já disse que os teus comentários são profundos, você sabe ler almas meu amigo e eu me encanto contigo.
Por falar nisso. A minha postagem se direciona a Eu e Ela imagine...
Comos todas de todos e a tua tbém.

Não desapareça, qualquer coisa é só gritar. Amigos a gente acalanta e eu tenho um enorme apreço por ti.

Linda Quinta e muita paz no teu coração.

Bjs

Livinha

Débora Francis disse...

Querido amigo, estou a contemplar aqui esta linda poesia, Digo-te ainda que estou a usar todos os meus sentidos para descrevê-la... Vejo em seus belos versos sensibilidade e muito sentimento, sinto uma sensação maravilhosa, ouço em suas palavras a voz do coração e meu paladar se torna doce ao lê-lo.
Simplesmente maravilhoso.
Meus parabéns.
Este texto é fantástico, quanta elegância querido amigo em compartilhar conosco, Toulouse Lautrec sabe o que escreve... Um texto sábio.
Parabéns

Livinha disse...

Lu, meu anjo de amigo.
Que profunda visão tem você...
Já te disse isto. Você sabe.
Somos poetas, detectamos escondidinhos n'outros, o que talvez seja escondidinhos de nós mesmos, não que deixemos de acertar na mosca né mesmo?
Mas quando se trata da gente, na reciprocidade, a gente teme, medo sente, fica incrédulo, porque não se acredita.
Ai Lú, fica aqui o meu segredinho,
estou passando por isto. Sinto e não sinto. adivinho se sente, mas não sei se sente, flutuos, palavras valsantes num céu de sonhos que a gente não alcança...
e paira duvidas e incertezas e receio de tá certa e não estar pra não sofrer por desengano.
Ai vida cruel menino.
Mas portas estão se abrindo, luzes se mostrando, quem sabe, quem sabe....
Adoro tuas deixas, sempre.
Como estais, bem?
Que fique ótimos, você veio ao mundo para brilhar. Creia.

Bjs

Livinha

Anônimo disse...

Nice brief and this post helped me alot in my college assignement. Gratefulness you as your information.

Mari Amorim disse...

Luciano,
saudades
Estou passando,e deixando um grande beijo,e dias claros como o Sol,desculpe-me a ausência/
Boas energias,
Mari

Majoli disse...

Oi meu querido, não fazes ideia de como senti saudades suas.
Juro que pensei que esquecestes de mim, de vez.
Olhava, olhava e nada de você aparecer lá no Rabiscos.
Agora, depois de uma tarde deliciosa de um sono relaxante, me levanto e quando sento aqui na frente do pc, e acesso os comentários, ulálá, comentário teu...como estou feliz.
Meu carinho por ti é grande.
Mas como dissestes que faria algumas mudanças e nos avisaria do novo tema do blog, fiquei a esperar.
Saudades de ti? Sim!
Esquecimento?
Nunca!
Te gosto muito, e de ♥, viu?
Beijos e obrigada pro se lembrar de mim.
Fique com Deus, tenha uma linda semana e espero de coração que esteja tudo bem com você.
Smacksssssssssssssss

Ana Gaúcha disse...

prazerrrrrrrrr luciano\\

vi indicaçáo do teu blog e vim ver.
gostei........vou seguir......

vou espiar melhor....bjs
bjs

q lindo....
-
“Toda a tua vida é um segredo
Guardado no silêncio dos teus passos
Discreto, misterioso e subtil
Nos gestos, nas palavras, no olhar...

...

Quem pode assim, esconder de ti a alma?




Luciano Braz

Ana Gaúcha disse...

Q prazer caro Luciano te ver
no Meu cantinho...tão nosso.
No escrever deixastes transparecer
carinho.Pessoa do Bem.
Prazer de novo.
A gente se vê.
BOA TARDE e bjs!!

Livinha disse...

Lú menino que tenho mais que enorme carinho. Pelo teu aporeço, sei do te respeito, como apreço de mim tbém.
Estou com saudades de tuas letras, dos teus pensamentos poeticos, tão sensíveis, inteligentes.

Luciano, confio tanto nas tuas deixas, que imploro pra que vejas o que postei lá na minha casa.
Ô meu amigo, será que estou sendo clara, na incerteza de ser isto ou aquilo?
Vai lá e mata esse coelho pra mim rsrss

Te confio o comentário porque tu sabes penetrar nas almas que essências exalam.

Um beijo grande e reforço o
pedido, volte com tuas postagens. Teus seguidores adoram, tenho certeza tanto quanto.

Bjs

Livinha

Roberta disse...

Uall, belo texto do meu novo amigo!
Parabéns!

Obrigada pelas palavras no meu blog.


Ótima quinta xD

Beijos

www.rferragut.blogspot.com

Livinha disse...

Lú,
Como sempre sempre dando dentro, no teu jeito tão especial e profundo de enxergaR O CORAÇÃO DAS ALMAS.
Adoro tua visão, espreitando entre frestas,. descobrindo arestas e definindo letras.
Pra ti não tem cortina garoto que te nuble os olhos.
Perfeito viu!

Continuo aguardando teus profundos poemas...
Vmo que vamos que a thurma sente saudade.

Bjs

Livinha

Ana Gaúcha disse...

kdddd vc Luciano...Saudades.
Andas sumido....

Apareça p/ tomar 1 chimarrão e Bom
FinaL de SemaNa.

bjs

Anônimo disse...

[url=http://www.pi7.ru/foto/1524-smeshnye-parodii-11-foto.html ]Подрос и стал агрессивным [/url]
Вам понравился результат? и что вы делали-межресничный татуаж или же стрелочки?Как часто приходится корректировать?А в случае в случае если не корректировать-сойдет татуаж абсолютно или же навеки останется какой нибудь отпечаток?Больно было?

Anônimo disse...

dispenses utilize a wonderful website not outstanding Gives profuse thanks in behalf of the hard work to relieve prohibited people
[IMG]http://www.sedonarapidweightloss.com/weightloss-diet/34/b/happy.gif[/IMG]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/6.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/7.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/8.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/9.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/10.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/11.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/12.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/13.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/17.gif[/img]
[img]http://www.cpcstorm.com/co/images/18.gif[/img]