terça-feira, 28 de julho de 2009

Hoje




Hoje vou transformar-me num cenário de amor.

Quebrar a monotonia. Encher a vida de prazer.

Basta ouvir meus sentidos. Me transformar em luz. Cheiro . Toque. Som.

Envolver-te toda ... Num momento especial.

Pela janela entreaberta,

Cúmplice de minhas artimanhas, Uma nesga de luar... entrarei ...

Vestido de prazer vou te procurar !

Sucumbiras ao sentir minha pele e o gosto do meu toque,

Descobrirei cada parte de ti Desfrutarei do frescor e da textura do teu corpo.

Te sentirei espalhada e entregue a mim...

Nosso amor será embalado por um fundo musical suave e terno

Primeiro um piano ou um violão,

E no auge da loucura Uma balada que acompanhe o ritmo dos nossos desejos

Antes de amanhecer o dia Lhe servirei champagne

Te entregarei uma flor ...

Para que lembres que eternamente vou te namorar...

mesmo sendo isto um fruto proibido.

E antes do primeiro raio de sol, retornarei ao meu mundo,

Perdido em ti ... estarei pra sempre ... na magia dos seus sonhos, passarão mil mundos e seremos pra sempre, almas gêmeas



Luciano Braz


Um comentário:

Luciana P disse...

Sentir-se alma gêmea de alguém deve ser uma coisa fantástica. Tudo será pleno, no toque, no sorriso, no olhar penetrante, nos gestos, enfim...
Há que se sentir simplesmente se essa pessoa chegar...
Procurar não adianta!

Bela poesia, de uma delicadeza deliciosa!